Mostre-me um exemplo TRIBUNA DE URUGUAIANA: Dia Histórico, por Gabriel Novis Neves

23 de dez de 2014

Dia Histórico, por Gabriel Novis Neves


Finalmente, depois de uma sucessão de conflitos, guerras, matanças e ódios, um ótimo dia histórico para a humanidade nesse tumultuado século XXI. 
O presidente dos Estados Unidos, Obama, em meio a uma forte crise de desaprovação ao seu governo, proferiu um de seus mais belos discursos em prol da suspensão dos embargos econômicos e humanitários à bela ilha cubana do Caribe. 
Horizontes de prosperidade são abertos para Cuba, que há cinquenta e quatro anos sobrevive a um dos maiores cerceamentos econômicos já vistos. 
De parte do presidente cubano, Raúl Castro, houve uma proposta de atualização do sistema de desenvolvimento socialista da Ilha. 
Todas essas negociações entre os dois países ocorreram, fundamentalmente, graças à intervenção do Papa Francisco e do governo do Canadá. 
Realmente, mais que merecido o Premio Nobel da Paz para o Sumo Pontífice em 2015, que desde março próximo passado mantinha negociações sigilosas com as duas nações. 
Entre as medidas anunciadas estão a permissão de viagens entre os dois países, estabelecimento de embaixadas e término dos embargos econômicos. 
Nada mais promissor para ambos os povos, isso sem falar no afastamento de famílias inteiras que, em busca do sonho americano, formaram seus vínculos, deixando para trás seus entes queridos e suas raízes. 
Parabéns aos dois mandatários! Um, da maior potência do planeta, e o outro, de uma pequena ilha perto de Miami, cujo povo foi condenado ao segregamento e à dificuldade de sobrevivência por tantos anos. 
Graças à capacidade de leniência desse alegre povo caribenho, ele se manteve, apesar de todas as dificuldades e privações, num bom nível de saúde e de educação. 
Parabéns, não somente aos cubanos, mas a toda a humanidade nesse dia histórico! 
Coincidência ou não, o novo acordo entre os povos foi proclamado no dia do aniversário dos 78 anos do nobre Papa Francisco. 

Nenhum comentário: