Mostre-me um exemplo TRIBUNA DE URUGUAIANA: Autoridades "lindeiras" Uruguaiana e Libres falam e hablam de menos burocracia -

3 de ago de 2017

Autoridades "lindeiras" Uruguaiana e Libres falam e hablam de menos burocracia -




O prefeito Ronnie Mello e autoridades da cidade argentina de Paso de los Libres estiveram reunidos nesta terça-feira visando criar meios que facilitem a entrada e saída da vizinha Libres. Os acordos entre os países dependem de aprovação dos presidentes e ministros dos países, no entanto, Ronnie sugeriu ações que pudessem ser feitas entre Uruguaiana e Paso de los Libres, para que os “Hermanos” aproveitem mais a cidade quando cruzarem a Ponte Internacional.
Para o Cônsul da República Argentina no Brasil, Ministro Alejandro José Massuco, é importante que haja esse diálogo entre os países vizinhos na busca de melhorar os acessos entre eles.
De acordo com o Intendente de Paso de los Libres, Raúl Demésio Tarabini, as duas cidades precisam uma da outra, além de movimentar a economia e o turismo de ambas. O Cônsul do Brasil em Paso de los Libres, Ministro Sérgio Taam, destacou que além de facilitar esse trânsito entre os países é considerável que se façam ações culturais de integração entre os dois povos.
O secretário de Desenvolvimento Econômico, Aerton Auzani, colocou que o município já está trabalhando práticas que facilitem essa integração e que ruas e avenidas mais utilizadas por argentinos ao ingressar no Brasil receberão placas de sinalização e indicativos facilitadores. A partir de projetos entre o município e a iniciativa privada.
Salientou Ronnie que já para o próximo verão, com o alto índice de argentinos que ingressam no país por Uruguaiana, cerca de um milhão de turistas, a cidade vai estar bem mais preparada para receber os argentinos por meio de ações feitas para que os viajantes fiquem na cidade por mais tempo. “Já que somos a porta de entrada destes turistas, temos também que intervir e mostrar o que nossa cidade tem para oferecer”, disse.
Sobre o trânsito fronteiriço, o prefeito sugeriu um encontro entre presidentes e ministros para que se discuta e se chegue a definições para eliminar a burocracia e facilitar ainda mais a integração entre Brasil e Argentina. “Vamos buscar uma agenda com quem define essa questão e buscar agilidade no processo, propôs que esse encontro seja aqui, para que eles tenham conhecimento real dos problemas que enfrentamos. Iremos apresentar soluções que facilitem esse processo, e que seja menos burocrático e mais facilitador”, finalizou Ronnie.
Studio na Colab55

Nenhum comentário: