Mostre-me um exemplo TRIBUNA DE URUGUAIANA: Cresce a violência de jovens infratores em Uruguaiana

29 de mar de 2017

Cresce a violência de jovens infratores em Uruguaiana



A Fase realiza a 1ª edição da Caravana da Socioeducação nesta quarta-feira iniciando por Uruguaiana. 
O evento tem por objetivo desmistificar junto à sociedade a ideia de que não existe caráter punitivo nas medidas socioeducativas aplicadas para os adolescentes, além de mostrar que há, de fato, um processo de ressocialização e inclusão destes jovens na sociedade. Outra meta de caráter mais técnico, está em fomentar a rede de meio aberto e dia e dialogar sobre a socioeducação com os agentes da rede de atendimento.  

Segundo o presidente da FASE – Robson Zinn, haverá uma equipe em um ônibus de atendimento da instituição, estacionada na praça Barão do Rio Branco, prestando informações à comunidade sobre as atividades desenvolvidas pelas unidades da Fase, incluindo distribuição de material. 

O dirigente no RS, Robson Zinn, destacou que Uruguaiana tem uma superpopulação de atendidos. Enquanto o Rio Grande do Sul anotou um crescimento de 52% no último triênio, já o município cresceu em 300%. De 31 adolescentes infratores agora são 94 assistidos, na unidade local. 
A FASE de Uruguaiana abrange ainda Alegrete, Itaqui, São Borja, Santa do Livramento e Quaraí representando meio milhão de habitantes. 
Zinn salienta que se a capacidade das casas fosse respeitada o número de servidores seria suficiente, porém não é o que ocorre. E exemplifica que pelo menos 25% da população de internos no RS poderia passar por outra medida que não a internação – tais como prestação de serviço comunitário, liberdade assistida, acompanhamento pelo CRAS, CAPS e a rede de atendimento social. 
Uruguaiana tem a alta média de internação de 25,4 adolescentes por 100 mil habitantes; na região metropolitana de Porto Alegre, o índice é de 17 internações; em POA 16 por 100 mil e o percentual do estado é de 11 casos por 100 mil. Também durante as ações em Uruguaiana está a liberação de R$ 700 mil para a unidade construir uma nova escola destinada à clientela do município. No Estado o investimento nesta área educacional foi de R$ 10 milhões.

Após o encerramento, às 18h, de um colóquio, ocorre a saída do Círculo Operário para a UNIPAMPA, onde acontece a partir das 19h30min uma apresentação artística com os adolescentes da unidade de Uruguaiana e a exibição do vídeo comemorativo pelos 15 anos da Fase seguido pela fala do presidente Robson Zinn. 

No dia 30 de março, fechando a estada da caravana em Uruguaiana haverá uma reunião geral de gestão com todos os 18 diretores de unidades do sistema gaúcho.

Studio na Colab55

Nenhum comentário: