Mostre-me um exemplo TRIBUNA DE URUGUAIANA: Caminhada pede justiça e pergunta: Cadê o corpo de Patrícia dos Santos?/Uruguaiana

26 de jun de 2017

Caminhada pede justiça e pergunta: Cadê o corpo de Patrícia dos Santos?/Uruguaiana

O final de semana em Uruguaiana foi de sentimento, dor e questionamentos. No início da noite de sábado dezenas de pessoas, portanto faixas, cartazes e camisetas estampadas com fotos de Patrícia se concentraram na praça da antiga Viação Férrea, centro da cidade, e partiram em Caminhada de Solidariedade e Protesto apelando por justiça e esclarecimentos que pudessem levar às causas da morte e o paradeiro do corpo da jovem Patrícia “Winckler” Pinto dos Santos, 17 anos, desaparecida desde a madrugada de sete de outubro de 2016.
Ela e uma amiga teriam ido a um baile naquela noite, e nunca mais retornou. Segundo diligências coordenadas pelo delegado Enio Tassi, Patrícia foi mesmo morta por dois homens – Anderson Pinto (Xexéu) e Rodrigo Kunzler, ambos presos e indiciados em inquérito enviado ao MP. Há também uma jovem denunciada, esta pelo Ministério Público. Porém, o corpo até hoje não foi localizado e as buscas estão mantidas pela polícia a partir de pistas e informações que chegam a toda hora à DP.  
 A mãe da vítima, Regina Pinto, durante o ato disse que a intenção principal foi de alertar e conscientizar a sociedade e famílias que prestem mais atenção aos filhos e suas amizades - verdadeira razão para ela da “possível” morte da filha Patrícia. “Sempre mantenho um fio de esperança, embora tudo indique para o pior”, desabafa. Ao final, o grupo soltou balões brancos e pretos em frente à Catedral Senhora de Sant’Ana, na praça Barão do Rio Branco e participou de Missa em intenção à jovem. Há nove meses Regina diz estar vivendo um pesadelo sem fim, conclui.



Studio na Colab55

Nenhum comentário: