Mostre-me um exemplo TRIBUNA DE URUGUAIANA: Chega de desastres, por Gabriel Novis Neves

8 de dez de 2015

Chega de desastres, por Gabriel Novis Neves


Chega de desastres
Estamos chegando sufocados pelos desastres neste final do ano.  Dramas de toda ordem: política, ética, financeira, ambiental e, agora, um dos piores de todos, pois afeta a humanidade - o terrorismo.
Gente matando gente por motivos materiais e religiosos é o clímax deste momento.
Gente irresponsável matando e destruindo a vida humana e a natureza pela mais absoluta falta de políticas severas de contingenciamento, como no caso das mineradoras, todas de alto risco. 
Bombas em aviões, atentados em Paris, bombardeios nas tribos responsáveis pelas recentes matanças.
Do outro lado, milhares de crianças no mundo morrem por abandono do poder público e pela violência e insensibilidade de uma sociedade alienada.
“Queremos paz!”, brada a humanidade desesperada!
O entendimento entre as mentes mais lúcidas que povoam as nações do planeta Terra terão de se unir para dar um basta nessa situação.
Enquanto isso, a natureza reage com o aquecimento do planeta.
Na nossa Cuiabá a vida está se tornando insuportável com as altas temperaturas, mesmo para os nativos da região como eu.
Porém, apesar de tudo desfavorável, já respiramos um ar de Natal, onde está a grande oportunidade de confraternização entre as pessoas.
Como é bela a natureza na primavera com a renovação do visual da nossa flora! O verde domina na ex-Cidade Verde com o florido diversificado dos seus ipês, na sua maravilhosa coleção cromática de árvores!
Parece até que as pessoas estão mais acessíveis com os ventos de dezembro.
É visível a presença da esperança de um Ano Novo sempre melhor.
Torçamos para que o mundo e o nosso país saiam o mais rápido possível desse imenso imbróglio em que fomos jogados por interesses de poder, e haja mais confraternização entre os homens.

A humanidade precisa de paz.

Nenhum comentário: